logo_topo

Diocese de Uruguaiana
Rua Santana, 2612 - Centro
Uruguaiana / RS | Cep: 97501-504
Tel. (55) 3412-1246






Siga-nos:

Facebook Twitter Twitter
pesquisar em nosso site

Últimas Notícias

Igreja Católica celebra o Mês Vocacional

por Alex Dorneles

Muitas pessoas pensam que pelo fato de não ter nenhum feriado religioso em agosto, o mês não tem significância para a Igreja. No entanto, esse tempo tem a sua particularidade de forma muito expressiva, pois o mês de agosto para a Igreja Católica é dedicado às vocações.

No oitavo mês do ano a Conferência Nacional dos Bispos no Brasil (CNBB), convida os católicos a refletir sobre o tema vocação. A vocação se manifesta de alguns modos: vocação sacerdotal, vocação matrimonial, vocação religiosa, vocação leiga. Não existe uma pirâmide imprimindo em cada vocação um rótulo de maior importância sobre outra vocação: todas as vocações são de relevância muito grande para a edificação do Reino de Deus. É pensando nisso que a liturgia de cada domingo do mês é especialmente dedicada a uma vocação. Mas o que é vocação?

No primeiro domingo é celebrada a vocação do padre. Para o trabalho pastoral a presença do padre é fundamental, pois ele é aquele que motiva, que trabalha junto com seu povo, e que sempre deve servir a Deus e à igreja com humildade.

No domingo seguinte é celebrada a vocação matrimonial que culmina com o 'Dia dos pais'. Nesse mesmo dia é realizada a abertura da Semana da Família. Desde o início do Pontificado do Papa Francisco ele tem se preocupado com a questão da família, e por isso já convocou algumas reuniões com os bispos para conversarem sobre o assunto, assim, logo após o término da III Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, o Santo Padre tornou público o documento dessa reunião, sendo que um dos assuntos norteadores foi os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização.

É conhecido que muitos casais já não participam da vida de igreja porque não conseguem se sentir igreja. Diante disso os bispos entendem que os grandes valores do matrimônio e da família cristã correspondem à investigação que atravessa a existência humana, inclusive numa época caracterizada pelo individualismo e pelo hedonismo. É necessário acolher as pessoas com a sua existência concreta, saber fomentar a sua busca, encorajar o seu desejo de Deus e a sua vontade de se sentir plenamente parte da Igreja, até mesmo em quantos experimentaram a falência ou vivem as situações mais diferentes.

No terceiro domingo, é celebrada a vocação religiosa que, semelhante às outras vocações, é muito importante para a igreja. Os consagrados/as desenvolvem no meio eclesial um papel fundamental através do carisma, que por ação do Espírito Santo foi desenvolvido pelo seu fundador/a. No final do ano de 2014 o Papa Francisco leu uma mensagem por ocasião da abertura do ano da vida consagrada, ao qual o Santo Padre destaca três pontos fundamentais para o consagrado: ser jubiloso, ser corajoso e ser mulher e homem de comunhão.

E por fim, não menos importante, é celebrada a vocação leiga, com um enfoque especial para o catequista. São os catequistas os responsáveis (junto com toda a comunidade) pela mensagem cristã, como afirma o Papa Francisco: "na boca do catequista, volta a ressoar sempre o primeiro anúncio: “Jesus Cristo ama-te, deu a sua vida para te salvar, e agora vive contigo todos os dias para te iluminar, fortalecer, libertar”.

A Diocese de Uruguaiana, diante dos desafios que surgem para a catequese, vê a necessidade de melhorar a metodologia. Dom Aloísio Dilli, bispo diocesano, na apresentação do Projeto de Iniciação à vida Cristã afirma que “estamos diante de um longo caminho e que exigirá o máximo de nós: bispo, padres, consagrados/as e fiéis leigos, entre os quais, destacamos os/as catequistas”.

O trabalho de evangelizar não é fácil e é muito grande, por isso em agosto os católicos são convidados a rezar pelas vocações, para que muitas pessoas se encontrem dentro da igreja e queiram cada vez mais trabalhar com entusiasmo e coragem. A palavra vocação, de origem latina (vocare), significa chamado, por isso nesse mês os cristãos pedem que o Espírito Santo toque o coração de muitos fiéis a fim de que escutem o chamado que é endereçado diretamente a cada pessoa.

Powered by CuteNews

2017 ©
Todos os direitos reservados.


Diocese de Uruguaiana
Rua Santana, 2612 | Centro
Uruguaiana/RS | Brasil
Cep: 97501-504
Telefones:
(55)3412-1246
(55)3412-1486